quinta-feira, 31 de agosto de 2017

F. C. PORTO 2017/18

Tal como haviámos feito na época passada aqui, vamos também analisar o plantel final com o qual o F. C. Porto vai atacar esta época 2017/18.

Daqueles que em 25/09/2016 defendíamos que iriam ser o núcleo base para a equipa comandada por Nuno Espirito Santo, sendo eleitos por nós como os 8 melhores jogadores do plantel F. C. Porto para a época 2016/17 (Casillas, Maxi Pereira, Layún, Danilo Pereira, Oliver Torres, Octávio, Brahimi e André Silva). Dos 8 melhores jogadores da equipa no inicio da época passada deixaram de pertencer a equipa base desta época 2017/18, o Maxi Pereira e o Layún, além do André Silva. Terminada a época 2016/17 vemos que os 8 acima referidos acabaram mesmo sendo os jogadores mais importantes do plantel, na esmagadora maioria foram os que tiveram melhor rendimento desportivo, aliás o rendimento global do clube até poderia ter sido significativamente melhor se o Brahimi não tem sido ostracizado pelo treinador nos primeiros meses da época e o Layún durante toda a temporada.  

Bom, a época passada já la vai, vamos concentrar as nossas atenções no momento presente e neste momento, após o fecho das inscrições a 31/08/2017 este é o plantel final do F. C. Porto 2017/18.
Legenda: ***** - os 9 melhores jogadores do plantel em que deve assentar a equipa base, mais o suplente Jesus Corona, que a partida é aquele que mais hipoteses tem de vir a entrar nesse nucleo base de jogadores que definem a valia da actual equipa. A negrito estão os 5 imprescindíveis da equipa para uma época 2017/18 de sucesso, que são o Filipe, o Danilo Pereira, o Oliver Torres, o Brahimi e o Aboubakar.

Encerrada esta janela de transferência em que o Sporting contratou 11 jogadores e no polo oposto temos o F. C. Porto que contratou um único novo jogador, o guarda-redes suplente Vaná e fez regressar ao plantel os anteriormente emprestados Ricardo Pereira, Aboubakar e Marega, que são aqueles que geram maior expectativa que possam acrescentem algo ao que a equipa já tinha. A principla mudança no F. C. Porto foi no comando tecnico, o treinador é agora o Sérgio Conceição em vez do Nuno Espirito Santo. Podemos concluir que o F. C. Porto neste defeso de 2017 só vendeu o passe de 1 daqueles que classificamos como os 8 melhores jogadores do plantel no início da época 2016/17 (André Silva), diversos outros jogadores de menor importância que pertenciam aos quadros do clube sairam (Diogo Jota, Rúben Neves, Boly, Varela e Delpoitre), ficando o clube neste momento com um plantel relativamente reduzido constituído pelos 26 jogadores que constam do quadro acima, para que todas as posições possam ter 2 jogadores será necessário a reintegração no plantel do Alberto Bueno e a chamada para a equipa principal de um defesa-central da equipa B, como por exemplo, o Jorge Fernandes. Apesar das limitações impostas pelo Fair-play financeiro, houve um esforço do clube em manter o núcleo base, numa tentativa do F. C. Porto em voltar a contar com plantéis constituído por jogadores com alguns anos de casa, já que mesmo sendo um clube que foi campeão há 5 épocas atrás, no plantel que terminou a última época já não constava nenhum jogador que tivesse a experiência de ser campeão nacional pelo F. C. Porto. A escassez de jogadores com histórico vencedor é o principal "handicap" para o plantel 2017/18, pois do actual elenco apenas o Casillas (5 vezes campeão Espanhol) e o Maxi Pereira (3 vezes campeão português pelo Benfica) tem um interessante histórico de campeonatos conquistados. E todos nós sabemos como é importante ter em campo jogadores que já sabem o que custa conquistar títulos, jogadores que estejam preparados para a pressão de jogar para ganhar campeonatos. 


Em nossa opinião, o Sérgio Conceição deve assentar o seu núcleo base nos 9 melhores jogadores do actual plantel do F. C. Porto, que são:
  • Casillas
  • Filipe
  • Alex Telles
  • Danilo Pereira
  • Oliver Torres
  • Octávio
  • Brahimi
  • Aboubakar
  • Soares

O Jesús Corona é o jogador que pode facilmente entrar na equipa base em vez do Octávio ou do Brahimi.


1 comentário:

Zim N. disse...

Parabéns pelo blog.
Já foi feita a análise ao Benfica?
Saudações